Cultura, informação e bem estar.

Professor Luciano consegue oportunidade nos EUA em pesquisa para cura do câncer e pede ajuda de todos

Medico-turco-medica-uruguaia-Luciano-Coelho-e-Donald-Lawrence

O professor pioneiro de Palmas, Luciano Coelho conseguiu nos Estados Unidos uma oportunidade para tratar um tipo raro de câncer que o acometeu há 3 anos e contra o qual trava uma luta desesperada contra o tempo para vencê-lo. Luciano foi aceito num programa de pesquisa que reascendeu suas esperanças. Mas para chegar ao final do tratamento ele precisa de ajuda financeira para se manter nos EUA, onde já se encontra para os primeiros procedimentos.

No último dia 16 ele teve uma consulta com o coordenador da pesquisa, Dr. Donald Lawrence. O próximo passo é assinar os documentos dando total consentimento para participação e dos riscos. O tratamento chama-se TIL – Linfócitos Infiltrantes Tumorais. Eles são separados do tumor através de cirurgia do paciente. Depois essas células são cultivadas em laboratórios durante 4 a 6 semanas. Após esse período elas são reinfundidas no paciente. Na semana programada para reinfusão do TIL personalizado, os linfócitos existentes no paciente são eliminados com quimioterapias (fludarabine) 5 dias e (ciclofosfamida) 2 dias. Após isso, faz a infusão do TIL e o paciente recebe uma imunoterapia (IL-2) 6 doses de 8 em 8 horas. Essa imunoterapia serve para ativar e fortalecer ainda mais as novas células Linfócitos modificados e o sistema imunológico do paciente.

“Esse período é o mais crítico do tratamento, pois o (IL-2) tem muitos efeitos colaterais e o paciente precisa ficar internado de 4 a 8 semanas sendo acompanhado até que seu sistema imunológico esteja recuperado. 28 dias após a reinfusão do TIL, faz-se um pet scan para ver se o tumores estão desaparecendo, além de outros exames. Repete os mesmos processo de exames 2 meses depois. Está tudo ok, a pesquisa foi finalizada e volto para casa curado”, relatou Luciano.

 Luciano é professor de carreira da rede pública municipal, tendo ocupando cargos de direção nas escolas de Palmas. Ele precisa arrecadar cerca de R$ 80 mil reais para custear suas despesas nos EUA até o final do tratamento. “Vamos mobilizar os amigos e a comunidade para que o Luciano não perca esta oportunidade de se manter vivo”, disse a jornalista Roberta Tum que está engajada na campanha. Inicialmente, os amigos vão disponibilizar uma chave pix e uma vaquinha online para ajudar na arrecadação, mas a ideia é fazer rifas e eventos para mobilizar mais pessoas e atingir a meta.

Para ajudar o professor Luciano utilize a chave pix: 123.coelho@gmail.com.

 

Daniel Machado
Jornalista – Assessoria de Comunicação Especializada – Consultoria
Você pode gostar também

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não aceitar, se desejar. Aceitar Saiba Mais